Vantagens e desvantagens de estudar na Alemanha

Vantagens

  1. QUALIDADE NA FORMAÇÃO

A Alemanha é conhecida por ter algumas das melhores universidades e instituições de alto nível de ensino. Portanto, se deseja obter uma educação de alto nível e reconhecida mundialmente, a Alemanha pode ser um ótimo destino para si. Ao estudar lá, você pode obter um diploma de renome internacional, o que lhe dá excelentes perspetivas no mercado de trabalho global. Existem literalmente milhares de programas de graduação e pós-graduação que se pode fazer lá, e a melhor parte é que muitos desses programas são oferecidos em inglês.

2. ESTUDO ORIENTADO PARA A PRÁTICA

As universidades alemãs oferecem excelentes programas acadêmicos, enquanto as universidades de ciências aplicadas oferecem uma gama de opções atraentes e orientadas para a prática. Muitos programas de estudo combinam teoria e prática. Isso facilitará muito o início de sua carreira.

3. POTENCIAL DESBLOQUEADO

Na Alemanha, você pode desenvolver suas habilidades intelectuais e pessoais livremente e atingir seu potencial máximo. Se você pretende realizar grandes feitos, encontrará determinação, motivação e comprometimento que lhe abrirão muitas portas - tanto durante seus estudos como após a sua formação.

4. CUSTO DE VIDA FAVORÁVEL

O custo de vida (aluguer, serviços públicos e necessidades básicas) é bastante acessível na Alemanha, especialmente em comparação com outros países europeus como França ou Reino Unido. Além disso, para quem mora e estuda em uma cidade menor, o custo de vida é mais barato do que para quem morar em uma grande cidade como Berlim, Munique ou Frankfurt.

5. POSSIBILIDADE DE TRABALHAR ENQUANTO ESTUDA

Sendo um estudante internacional proveniente de um país que não pertença à União Europeia, você pode trabalhar por cerca de 120 dias por ano na Alemanha. Muitas empresas Alemãs (grandes empresas ou start-ups) contratam estudantes o tempo todo, o que é muito valioso, pois isso significa que ainda ao longo da sua formação os estudantes conseguem ganhar experiência profissional que poderá destacá-los após à graduação, ao se candidatarem ao emprego integral. A outra grande vantagem sobre trabalhar na Alemanha como estudante é que para além de obter a experiência de trabalho, o estudante consegue também se integrar à cultura Alemã mais facilmente, e consegue fazer muitas conexões significativas dessa maneira também. Isso torna o processo de aquisição de emprego pós-formação na Alemanha muito mais fácil.

4. SEGURANÇA

Em comparação com outros países, a Alemanha é um país seguro. Seja na cidade ou no campo, de dia ou de noite, as pessoas circulam livremente. A Alemanha oferece estabilidade econômica e política, o que a torna num lugar ideal para estudar.

5. DIVERSIDADE

Existem 1001 formas de diversão na Alemanha. Nos dias de folga os estudantes desenvolvem atividades como ir a um museu, cinema ou teatro, esplanada-cervejaria, passeio na praia, nadar num lago, escalar uma montanha ou visitar um antigo castelo.

DESVANTAGENS

Embora pensemos que a Alemanha seja um ótimo lugar para se estudar, é importante que também apontemos as coisas não tão boas. Aqui estão as nossas principais objeções:

1. BUROCRACIA

Os estereótipos de os alemães serem obedientes às regras e burocráticos, são verdadeiros. Desde o registro na cidade até o registro para exames, o estudante passa uma boa parte do seu tempo na Alemanha correndo de um escritório para outro até finalmente encontrar a pessoa responsável pelo assunto que pretenda tratar.

2. NÃO EXISTEM INSTALAÇÕES APROPRIADAS PARA ESTUDANTES

Se estiver se preparando para estudar numa universidade pública na Alemanha, não espere ter uma variedade de recursos estudantis disponíveis de forma gratuita no campus. Isso significa que não irá ter acesso de forma gratuita a laboratórios de informática de alta tecnologia, centro estudantis supermodernos, ou equipe de conselheiros interpessoais. Pelo contrário, muitos dos recursos disponíveis acarretam custo, o estudante tem de pagar para ter o acesso. Por exemplo, a adesão a uma academia de prática de exercícios físicos num campus universitário custa cerca de 20 € por mês.

3. APRENDER ALEMÃO

Quer o seu programa de estudos seja em inglês ou não – um estudante vivendo na Alemanha precisa aprender alemão. Mesmo se o estudante estiver morando no centro da cidade, não saber falar alemão cria limitações indesejáveis. Portanto, para ter uma ótima experiência na Alemanha, tirar um curso de alemão assim que chegar é sempre uma boa opção.

4. EXAMES

O sistema de avaliações na Alemanha é bastante confuso para quem estudou no sistema Moçambicano. Isto porque a maioria das aulas baseiam a nota de todo o curso no enxame final (ou trabalho final do semestre), o que torna período de exame final de cada semestre muito intenso para os estudantes.

Outra grande diferença que notamos (durante a nossa pesquisa) entre os sistemas universitários de Moçambique e da Alemanha foi a necessidade de inscrição para os exames na Alemanha. Em Moçambique, se o estudante está inscrito em um curso, automaticamente estará também inscrito para os exames exigidos. Agora, na Alemanha, o estudante primeiro precisa se inscrever no curso e ao longo do curso devera se inscrever para o exame.

Dica: Leia o regulamento do exame (Prüfungsordnung) no início do semestre e leve cada palavra a sério.

5. ESTRUTURA DO CURSO

Se a maior parte desta lista pudesse ser resumida em uma frase, seria esta: Não estude na Alemanha se você não for independente e disciplinado. Isto se aplica especialmente aos próprios cursos, que geralmente são estruturados de forma muito diferente dos cursos universitários em Moçambique.

Em comparação com Moçambique, os alemães passam muito menos tempo nas aulas e muito mais tempo fazendo estudos independentes. Isso significa que você terá que ser independente na estruturação do seu tempo de forma eficiente e disciplinado ao fazer a leitura externa, estudar e pesquisar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *